.
.

94ª Corrida de São Silvestre. Africanos dominam novamente, Giovani dos Santos e Jhenifer Nascimento são os melhores brasileiros.

Fortaleza, 01/01/2019 - Mais uma vez, o continente africano dominou a 94ª edição da Corrida Internacional de São Silvestre, realizada nesta segunda-feira (31), na capital paulista. Com largada a partir das 8h 20min para paratletas cadeirantes e cadeirantes com guias, a corrida teve na sequência as largadas dos pelotões elite e geral (feminino e masculino), e mais de 35 mil atletas (oficialmente inscritos e pipocas), participaram da corrida de rua mais tradicional do país e América Latina.

Como sempre acontece, a largada da Corrida Internacional de São Silvestre é recheada de atletas que largam forte demais, o chamado - sprint da fama, mas aos poucos os verdadeiros postulantes ao podium ocupam as primeiras colocações, afinal de contas, não são muitos os seres humanos que conseguem correr 15Km com um pace igual ou inferior a 3 minutos por muito tempo.

Na prova feminina, 32 atletas largaram na elite, e a aniversariante Pauline Kamulu - Quênia (24 anos), diparou na frente desde o começo, sendo seguida pela jovem Sandrafelis Tuei - Quênia (20 anos). Na verdade, as duas atletas tiveram uma disputa bem particular pela primeira colocação o tempo todo, pois as demais atletas só ficaram por perto até o primeiro quilômetro de prova, pois a partir daí, as tomadas para TV só conseguiam registrar na frente as duas atletas quenianas, Pauline e Sandrafelis.

No transcorrer da prova, tudo levava a crer que a vitória de Pauline Kamulu seria tranquila, mas aos poucos Sandrafelis Tuei foi tirando uma grande diferença, até conseguir a ultrapassagem vitoriosa na altura dos 14.300 metros, na subida da Avenida Brigadeiro Luis Antônio. A partir daí, a arrancada de Sandrafelis foi constante, e a atleta conseguiu cruzar a linha de chegada 17 segundos a frente de sua compatriota.

A melhor brasileira na corrida foi a atleta Jhenifer do Nascimento (27), que chegou na 8ª colocação geral, com o tempo de 54 min 05 seg. A atleta faz parte da Equipe de Atletismo do Esporte Clube Pinheiros.

 

Confiram o podium feminino da 94ª Corrida Internacional de São Silvestre.

1ª – Sandrafelis Tuei (Quênia), 50 min 02 seg.
2ª – Pauline Kamulu (Quênia), 50 min 19seg.
3ª – Mestawut Truneh (Etiópia), 52 min 45seg.
4ª – Esther Kakuri (Quênia), 52 min 47seg.
5ª – Birthukan Alemu (Etiópia), 53 min 06seg.

 

Na elite masculina, 64 atletas largaram em busca das melhores colocações, e no começo, 16 atletas estavam no primeiro pelotão, entre eles, dois africanos e três brasileiros da equipe do Cruzeiro de Belo Horizonte. Com o avançar da prova, este pelotão foi ficando cada vez menor, e ao chegar no último quilômetro, apenas dois etíopes disputavam a primeira colocação, Belay Tilahun e Dawitt Admasu (etíope naturalizado barenita).

No sprint final, Belay Tiahun levou a melhor e conseguiu vencer a prova com o tempo de 45 min 03 seg. Minutos depois, após a solenidade de premiação, o grande esforço do atleta na corrida teve as suas consequências, e o atleta passou mal após entrevistas, precisando ser hospitalizado por algumas horas.

O melhor brasileiro na corrida foi novamente o mineiro Giovani dos Santos, que cruzou a linha de chegada na 8ª colocação, com o tempo de 46 min 58 seg.

 

Confiram o podium masculino da 94ª Corrida Internacional de São Silvestre.

1º – Belay Tilahun Bezabh (Etiópia), 45 min 03 seg.
2º – Dawitt Admasu (Bahrein), 45 min 06seg.
3º – Amdework Tadese (Etiópia), 45 min 13 seg.
4º – Emmanuel Gisamoda (Tanzânia), 45 min 23 seg.
5º – Maxwell Rotich (Uganda), 45 min 45 seg.

 

A grande festa nas ruas da capital paulista.

Além dos pouquíssimos atletas postulantes ao podium, a Corrida Internacional de São Silvestre caracteriza-se pela pluraridade cultural de seus participantes, com milhares de atletas do estado de São Paulo, diversas cidades brasileiras e também de outros países.

Neste contexto, a grande maioria dos atletas inscritos participam da prova de forma festiva, com faixas e fantasias, e muitos priorizam a viagem aliada a corrida e ao turismo. Entre os atletas amadores, também encontramos aqueles que correm em busca de metas pessoais, independente do resultado no relógio, e não são poucas as histórias de superação pessoal no asfalto.

No meio desta multidão, muitos cearenses optaram em participar da Corrida Internacional de São Silvestre desta vez, e alguns mantém esta tradição há vários anos, alguns com mais de 20 participações.

Nas fotos acima, destacamos alguns atletas cearenses: Cristiano Soares de Souza (atleta paralimpico, participa de sua primeira São Silvestre. O atleta tem uma das pernas amputadas abaixo do joelho, e participa da prova de muletas por não tem condições de adquirir uma cadeira de rodas ou prótese adaptada; Heloísa Farias; Syllvânio Santos; Sebastião Medeiros; Luis e Roseane; Saleondes Goes.

Entre os paratletas cadeirantes, apenas 4 largaram desta vez, e os vencedores foram, Heitor dos Santos e Vanessa de Souza. Heitor, conquistou o seu quarto título na Corrida Internacional de São Silvestre (2014, 2015, 2016 e 2018), enquando Vanessa conquista um bicampeonato (2017 e 2018).

 

Vídeo completo: TV Gazeta, transmissão da 94ª Corrida Internacional de São Silvestre, link...

Site e resultado oficial: 94ª Corrida Internacional de São Silvestre, link...

Matéria especial: Conheçam a Corrida Internacional de São Silvestre, link...

Matéria especial: São Silvestres espalhadas pelo mundo, link...

Outras matérias relacionadas: link01; link02; link03; link04;

 

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

.

 

 

 

Portal do Corredor - O pioneiro web no norte e nordeste brasileiro, 2004 / 2018.
- Conheçam um pouco da nossa história. Quem Somos? link...

- Blog de Corridas, Jornal O POVO on-line, link...

- Fanpage Portal do Corredor, link...

- Perfil Facebook / Félix Luis, link...

- Corridas / Félix Luis, link...

- Vídeos Portal do Corredor, link...

- Instagram: portal_corredor.

- Twitter: @portal_corredor

- Mailing: aproximadameente 25 mil cadastros.

 

Empresas que apoiam o nosso trabalho: